Bolsas

Câmbio

Instituições da UE alcançam primeiro acordo sobre trabalhadores deslocados

Bruxelas, 1 Mar 2018 (AFP) - As instituições da União Europeia (UE) anunciaram nesta quinta-feira que alcançaram um primeiro acordo para reformar a política de trabalhadores deslocados, que permite aos europeus trabalhar em outros países do bloco, mas registrados na Previdência Social de seu país de origem.

"Pensamos que o pacote que propomos para um acordo é equilibrado", anunciaram em um comunicado os negociadores da Eurocâmara, de Comissão Europeia e do Conselho da UE, que representa os 28 países do bloco.

O rascunho de acordo "estabelece o princípio de mesma remuneração por trabalho igual no mesmo local, ao mesmo tempo que proporciona maior segurança jurídica tanto aos trabalhadores como aos empresários", afirma o comunicado.

Este primeiro entendimento das três instituições europeias abre o caminho para um texto definitivo da reforma, que deve ser aprovado mais adiante.

clp-tjc/pb/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos