ipca
-0,21 Nov.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Fundador da Amazon toma título de homem mais rico do mundo de Bill Gates

06/03/2018 15h46

Paris, 6 Mar 2018 (AFP) - O fundador da Amazon, o americano Jeff Bezos, se tornou o homem mais rico do mundo, tomando o prestigioso título do criador da Microsoft, Bill Gates, segundo a lista de grandes fortunas publicada nesta terça-feira pela revista Forbes.

O criador do império Zara, o espanhol Amancio Ortega, caiu para o sexto lugar, perdendo duas posições, à frente do empresário mexicano Carlos Slim, que ocupa a sétima posição, uma a menos que no ano passado.

Jeff Bezos, de 54 anos, tomou o posto de seu compatriota de 62 anos graças a uma alta de 59% das ações da Amazon no último ano, que praticamente multiplicou por dois sua fortuna, avaliada em 112 bilhões de dólares.

O gênio da informática, hoje mais conhecido por sua fundação focada em assuntos de saúde e educação, terá de se conformar com o segundo lugar, com um patrimônio estimado em 90 bilhões de dólares.

O também americano Warren Buffett, descrito pela Forbes como "um dos investidores mais bem sucedidos de todos os tempos", conservou o terceiro lugar, completando o pódio com 84 bilhões de dólares.

Ele é seguido pelo francês Bernard Arnault, dono do império de luxo LVMH, que se tornou o europeu mais rico do mundo, com uma fortuna estimada em 72,2 bilhões de dólares.

O fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, de 33 anos, tem a quinta maior fortunada do planeta, com 71 bilhões de dólares - 1 bilhão a mais que Ortega 3,9 bilhões a mais que Slim.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, é um dos maiores perdedores da classificação deste ano. O mandatário, que fez fortuna no setor imobiliário, caiu da 544ª posição para a 766ª. Sua riqueza está agora avaliada em 3,1 bilhão de dólares, 400 milhões a menos que há um ano.

A primeira mulher da lista só aparece na 16ª posição: Alice Walton, herdeira da cadeia americana de supermercados Wal-Mart, com 46 bilhões.

Atrás dela está outra herdeira, a do império de beleza L'Oreal, Françoise Bettencourt Meyers, com 42,2 bilhões.

Dois magnatas chineses também entraram pela primeira vez para a lista das 20 maiores fortunas do mundo: Ma Huateng, dono da gigante digital Tencent, que se torna o homem mais rico da Ásia, e Jack Ma, fundador da gigante chinesa de comércio digital Alibaba.

Mais Economia