Bolsas

Câmbio

Wall Street fecha em baixa, com medo de guerra comercial

Nova York, 13 Mar 2018 (AFP) - Wall Street fechou em baixa nesta terça-feira, em meio à preocupação crescente com uma guerra comercial, enquanto o presidente Donald Trump mudou seu secretário de Estado e planejaria impor novas tarifas à China.

O índice industrial Dow Jones recuou 0,68%, a 25.007,03 unidades, o tecnológico Nasdaq caiu 1,02%, a 7.511,01, e o S&P 500 perdeu 0,64%, a 2.765,31 unidades.

O mercado abriu em alta, mas foi abalado pelo anúncio da demissão do secretário de Estado americano, Rex Tillerson, substituído pelo diretor da CIA, Mike Pompeo.

"Wall Street se indaga sobre a estabilidade do governo", disse Sam Stovall, da CFRA Research. Ele acrescentou que investidores temem que os republicanos percam as legislativas de meio de mandato. "Hoje a política é mais importante que a inflação", disse Stovall.

Outros analistas mostraram inquietação com a possibilidade de Trump sancionar a China pela suposta violação dos direitos de propriedade intelectual.

No mercado de títulos, o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos caíam a 2,843%, contra 2,868% de segunda-feira, e o dos papéis a 30 anos recuava a 3,098%, ante 3,129% da sessão anterior.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos