Bolsas

Câmbio

Cambridge Analytica suspende presidente após desvio de dados

Londres, 20 Mar 2018 (AFP) - A empresa britânica Cambridge Analytica anunciou nesta terça-feira (20) a suspensão de seu presidente executivo após o escândalo do suposto desvio de dados privados de dezenas de milhões de usuários do Facebook nos Estados Unidos para serem usados em benefício da campanha de Donald Trump.

Alexander Nix foi suspenso "com efeito imediato e à espera de uma investigação completa e independente", indicou a Cambridge Analytica em um comunicado.

"Do ponto de vista da junta, os recentes comentários gravados em sigilo e outras declarações não representam os valores ou as operações da empresa, e sua suspensão reflete a seriedade com que consideramos esta violação", reagiu a junta diretiva da Cambridge Analytica em um comunicado.

A emissora britânica Channel 4 exibiu na segunda-feira uma reportagem em que um jornalista disfarçado gravou Nix com uma câmera oculta. Nas imagens, vê-se como o presidente executivo propõe técnicas para manipular a opinião pública, como lançar calúnias contra candidatos: "coisas que não têm necessariamente que ser verdade, dese que se acredite nelas".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos