Bolsas

Câmbio

Diretora do FMI vê "nuvens mais escuras" no horizonte do crescimento mundial

Hong Kong, China, 11 Abr 2018 (AFP) - A diretora geral do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde, vê "nuvens mais escuras" no horizonte do crescimento mundial em consequência, sobretudo, da tensão entre Estados Unidos e seus sócios que ameaça o livre comércio.

"O panorama geral é atualmente luminoso. Mas podemos ver nuvens mais escuras no horizonte", afirmou em uma conferência em Hong Kong antes da reunião de primavera (hemisfério norte) prevista para a próxima semana.

Lagarde recordou que o organismo multilateral revisou em alta, em janeiro, as previsões de crescimento econômico mundial, a 3,9% para 2018 e 2019.

Ela destacou que o FMI permanece otimista porque "as economias avançadas devem crescer acima de seu potencial de crescimento médio este ano e no próximo" e porque nos Estados Unidos há um cenário de pleno emprego.

Paralelamente, as perspectivas continuam sólidas na Ásia, "o que é bom para todo mundo, pois esta região contribui em quase dois terços para o crescimento mundial", declarou.

A diretora do FMI, no entanto, que teve as declarações divulgadas com antecedência, considera que o ritmo de "crescimento esperado para 2018 e 2019 vai terminará por desacelerar" à medida que as políticas de apoio à economia diminuírem, especialmente nos Estados Unidos e na China.

Neste contexto, Lagarde ressaltou a necessidade de atuação dos governos enquanto o contexto econômico permanece favorável.

"A janela de oportunidade está aberta. Agora há uma nova urgência porque a incerteza aumentou de forma significativa", disse, antes de citar as tensões comerciais, os maiores riscos orçamentários e financeiros, além da incerteza geopolítica.

Lagarde também apresentou suas prioridades para respaldar o crescimento econômico, a primeira delas que os governos "permaneçam à margem do protecionismo sob todas as suas formas".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos