Bolsas

Câmbio

Wall Street fecha quase estável após saída dos EUA de acordo nuclear

Nova York, 8 Mai 2018 (AFP) - Wall Street fechou quase estável nesta terça-feira, enquanto investidores avaliam as possíveis consequências da decisão dos Estados Unidos de deixar o acordo nuclear do Irã e impor sanções ao país.

O índice industrial Dow Jones subiu 0,01%, a 24.360,21 unidades, o tecnológico Nasdaq 0,02%, a 7.266,90, e o S&P 500 recuou 0,03%, a 2.671,92 unidades.

As ações passaram quase toda a sessão em baixa, mas não sofreram mudanças drásticas.

Maris Ogg, da Tower Bridge Advisors, avaliou que a postura de Trump "pode fazer parte das negociações".

"Em todo caso, as coisas nebulosas geralmente não afetam o mercado até que um evento específico ocorra", acrescentou.

A maioria das ações relacionadas ao setor petroleiro subiram devido à perspectiva de que as sanções ao Irã reduzam a oferta mundial da commodity e, consequentemente, os preços subam.

Chevron e ConocoPhillips ganharam mais de 1,0% e ExxonMobil 0,5%.

Em contrapartida, a Boeing, que tinha anunciado contratos com empresas do Irã, perdeu 0,6%. Contudo, a General Electric, que também busca negócios no país, subiu 1,4%.

No mercado de títulos, o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos subia a 2,974%, contra 2,950% de segunda-feira, e o dos títulos a 30 anos avançava a 3,128%, contra 3,123% da véspera.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos