ipca
0,45 Out.2018
selic
6,5 31.Out.2018
Topo

Bayer anuncia que EUA aprovou com condições fusão com Monsanto

29/05/2018 14h40

Frankfurt am Main, 29 Mai 2018 (AFP) - A gigante alemã Bayer anunciou nesta terça-feira (29) que o Departamento de Justiça dos Estados Unidos aprovou, com condições, a compra da americana Monsanto.

A fusão da Monsanto com a divisão agroquímica da Bayer será efetiva quando a multinacional alemã tiver cedido suas atividades no setor das sementes, dos pesticidas e da chamada agricultura digital para a BASF, outra empresa alemã, afirmou em comunicado.

Trata-se da "maior (cessão de ativos) exigida pelos Estados Unidos" para manter a concorrência na venda de produtos agrícolas, disse o vice-procurador-geral Makan Delrahim, citado em um comunicado do Departamento de Justiça.

Essa transferência de atividades deve ser concluída "em cerca de dois meses", segundo o grupo de Leverkusen. Então, a Bayer se tornará a única proprietária da Monsanto após o desembolso de 66 bilhões de dólares.

É a aquisição mais importante até agora por um grupo alemão no exterior.

As autoridades americanas inicialmente levantaram sérias dúvidas sobre essa transação devido à posição dominante de ambas as empresas.

"Com a autorização do Departamento de Justiça, estamos agora perto do objetivo de criar uma empresa líder no setor agrícola", disse Werner Baumann, CEO da Bayer.

A Comissão Europeia autorizou em abril, sob condições, a compra pelo grupo alemão BASF de parte das atividades da Bayer Crop Science por 6 bilhões de euros.

A Bayer havia se comprometido a vender grande parte de suas atividades no setor de sementes, entre outras, para obter a autorização europeia para comprar a Monsanto.

A venda anunciada em 30 de abril inclui todas as atividades da Bayer no setor de sementes, bem como parte de seus negócios em herbicidas não seletivos, como o glufosinato e na agricultura digital.

jpl/nas/jz/acc/ll

Bayer

Monsanto

Mais Economia