Bolsas

Câmbio

EUA: déficit comercial registra queda

Washington, 6 Jun 2018 (AFP) - O déficit comercial americano caiu em abril, pelo segundo mês consecutivo, graças ao recorde das exportações e ao menor ritmo de importações de bens da China, de acordo com números oficiais divulgados nesta quarta-feira.

O déficit comercial dos Estados Unidos caiu 2,1% em abril, a 46,2 bilhões de dólares.

Apesar das quedas de março e abril, no entanto, o déficit para os primeiros quatro meses de 2018 foi quase 12% maior que o registrado no mesmo período do ano passado.

As exportações continuam em alta graças à crescente demanda de milho e soja americana, assim como de combustível e outros derivados de petróleo.

No setor de bens e serviços as exportações subiram 0,3%, a 211,2 bilhões de dólares, o maior resultado já registrado.

As importações caíram 0,2%, a 257,4 bilhões.

A redução do déficit acontece em um momento no qual outras economias se preparam para uma guerra comercial depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, adotou tarifas de importação para o aço e alumínio.

Os outros países membros do G7 denunciaram as medidas como protecionistas e pretendem adotar ações de retaliação. A União Europeia anunciou nesta quarta-feira que um pacote de "contramedidas", que afetará os bens americanos, será divulgado em julho.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos