Bolsas

Câmbio

Principal assessor econômico de Trump sofre ataque cardíaco em Washington

Washington, 12 Jun 2018 (AFP) - Em meio à histórica cúpula entre o líder norte-coreano, Kim Jong Un, e o presidente americano, Donald Trump, o principal conselheiro econômico do mandatário dos EUA, Larry Kudlow, sofreu um ataque cardíaco, em Washington.

"Nosso grande Larry Kudlow, que trabalha tão duramente sobre o comércio e a economia, acaba de ter uma crise cardíaca e se encontra atualmente no centro médico Walter Reed", na região de Washington, escreveu Trump no Twitter pouco antes do encontro com Kim.

Antes de ser chamado para a equipe de Trump, Kudlow, um economista e historiador de 70 anos, era um comentarista econômico conservador.

No domingo, Larry Kudlow defendeu a decisão de Trump de retirar seu apoio ao comunicado final do G7, criticando duramente o primeiro-ministro canadense, Justin Trudeau, a quem acusou de ser o responsável pelo fiasco da cúpula dos sete dirigentes das economias mais desenvolvidas do planeta.

"É uma traição, nos enganaram, não apenas Trudeau mas os outros membros do G7", comentou na CNN.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos