PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Cotações

Demissões agravam conflito entre funcionários e Petrobras no Uruguai

10/05/2019 13h02

Montevidéu, 10 Mai 2019 (AFP) - A demissão de funcionários da Petrobras agravou o conflito que os funcionários mantêm com a estatal brasileira no Uruguai, após o anúncio de que a empresa se retirará do país.

A Petrobras demitiu sete funcionários do setor de gás no Uruguai, em meio a uma greve de fome dos trabalhadores, para que a empresa abandone a concessão do serviço de distribuição de gás natural.

"Começaram a chegar os telegramas" de demissão, um total de sete, e "a situação se agrava", disse o diretor do sindicato de gás, Alejandro Acosta, citado pela Radio Montecarlo.

"Não vamos aceitar nenhuma demissão", afirmou Acosta, que pediu para o Poder Executivo assuma as negociações para "garantir um período de transição" ao longo do qual a "Petrobras deixe (o país) e que não haja demissões".

Cotações