PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Presidente mexicano entrega novo Nafta para Senado ratificar

30/05/2019 15h23

México, 30 Mai 2019 (AFP) - O governo mexicano anunciou nesta quinta-feira (30) a entrega ao Senado, para debate e ratificação, do renovado acordo comercial da América do Norte, um dia após o Canadá fazer o mesmo e em meio à incerteza sobre o respaldo dos Estados Unidos, último integrante do pacto.

"Hoje se entrega a documentação para o Senado para que se inicie o processo de ratificação do tratado", disse o presidente Andrés Manuel López Obrador durante sua habitual coletiva de imprensa matinal, referindo-se ao Tratado México-Estados Unidos-Canadá (T-MEC, na sigla em espanhol).

A apresentação ao Senado ocorre seis meses após a assinatura do acordo, na última cúpula do G20, em Buenos Aires.

O primeiro-ministro canadense Justin Trudeau acaba de apresentá-lo ao seu Parlamento, classificando-o como "um grande acordo", fruto de "um longo e difícil processo".

No caso dos Estados Unidos, o quadro é mais complexo, pois os democratas no Congresso - com maioria na Câmara baixa - continuam preocupados com os direitos dos trabalhadores, a resolução de disputas e outras questões.

Os sindicatos dos EUA também estão céticos quanto ao fato de o novo acordo resolver suas preocupações com a flexibilização da lei trabalhista mexicana.

O T-MEC corre contra o tempo, porque, se não for aprovado antes dos recessos de verão (boreal), poderá enfrentar pressões devido à conjuntura eleitoral esperada nos Estados Unidos e no Canadá.

jla/jhb/mls/ll/cc