IPCA
0,51 Nov.2019
Topo

HSBC aceita pagar EUR 294,4 milhões na Bélgica para encerrar investigação por "fraude"

06/08/2019 07h44

Bruxelas, 6 Ago 2019 (AFP) - A filial suíça do banco HSBC aceitou pagar na Bélgica uma multa de 294,4 milhões de euros para encerrar uma investigação aberta em 2014 por "fraude fiscal grave" e "lavagem de dinheiro", anunciou o Ministério Público de Bruxelas.

"O acordo ainda deve ser homologado pelas autoridades judiciais belgas, o que deve acontecer em setembro", afirmou um representante do MP.

A filial suíça do HSBC Private Bank SA (Suíça), controlado em 100% pelo gigante bancário asiático, foi acusada de ajudar centenas de clientes a enganar o Estado belga. As acusações incluíam fraude grave e organizada, lavagem de dinheiro, complô criminoso e funcionamento ilegal como intermediário financeiro.

Os fraudadores eram principalmente comerciantes de diamantes na Antuérpia, um porto do norte da Bélgica, onde foi instalado o sindicato mundial de comerciantes de diamantes.

"O banco era suspeito de ter favorecido e estimulado deliberadamente a fraude fiscal, dando a clientes privilegiados contas offshore, especialmente no Panamá e nas Ilhas Virgens", afirmou o MP.

mla/csg/bc/zm/fp

HSBC

Economia