IPCA
0.11 Ago.2019
Topo

Morre segunda maior fortuna de Portugal

17/08/2019 09h03

Lisboa, 17 Ago 2019 (AFP) - O empresário português Alexandre Soares dos Santos, que acumulou a segunda maior fortuna do país nos setores da distribuição e da saúde, faleceu na madrugada deste sábado (17), aos 84 anos - informou sua companhia.

Soares dos Santos lutava contra um câncer e, em 2013, abandonou todas as suas funções no grupo familiar Jeronimo Martins. Deixou o controle da empresa nas mãos do filho, Pedro Soares dos Santos.

Sob sua direção, de 1968 a 2013, o grupo se tornou uma das empresas mais importantes de Portugal. Soares dos Santos criou a rede de supermercados Pingo Doce, líder do setor em Portugal, e buscou desenvolvê-la fora do país. Após uma tentativa frustrada no Brasil, teve sucesso na Polônia e na Colômbia (Ara).

Também ampliou as atividades da empresa para o setor sanitário, ao fundar a rede de clínicas Walk'in. Em 2009, criou uma fundação especializada em estudos da sociedade portuguesa.

Segundo a revista americana Forbes, Soares dos Santos era dono da segunda maior fortuna do país, calculada em 3,5 bilhões de euros, superada apenas pela de Fernanda Amorim, herdeira da produtora de rolhas de cortiça Corticeira Amorim.

Em uma nota de pêsames publicada no portal do governo, o presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, elogiou "a personalidade única de Alexandre Soares dos Santos e seu importante papel na vida econômica, social e cultural de Portugal".

bc/pmr/jvb/ra/tt

JERONIMO MARTINS

CORTICEIRA AMORIM

Mais Economia