PUBLICIDADE
IPCA
+0,53 Jun.2021
Topo

EUA diz estar 'perto de concluir' parte do acordo comercial com a China

9.nov.2017 - Presidente dos EUA Donald Trump com o presidente chinês Xi Jinping na saída de um evento no Grande Salão do Povo em Pequim, na China - Nicolas Asfour/AFP
9.nov.2017 - Presidente dos EUA Donald Trump com o presidente chinês Xi Jinping na saída de um evento no Grande Salão do Povo em Pequim, na China Imagem: Nicolas Asfour/AFP

25/10/2019 15h43

Washington, 25 Out 2019 (AFP) - Washington e Pequim estão perto de concluir pontos cruciais da negociação comercial e as discussões continuam, informou nesta sexta-feira (25) o gabinete do representante comercial americano (USTR), após uma ligação entre negociadores dos dois países.

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, celebrou uma grande vitória em sua ofensiva contra a China há duas semanas, afirmando que as duas potências estavam prestes a concluir um acordo "substancial", o que chamou de "fase um", sem dar mais detalhes.

Nesta sexta, o USTR, Robert Lighthizer, e o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, falaram com o vice-primeiro-ministro da China, Liu He, sobre a fase um do acordo comercial entre China e Estados Unidos, anunciou o gabinete em um comunicado.

"Avançaram em temas específicos, e ambas as partes estão perto de concluir algumas seções do acordo", disse o USTR.

No comunicado, as autoridades não deram maiores detalhes, mas indicaram que as discussões entre subdelegados "continuarão" e que os negociadores principais vão fazer outra ligação "no futuro próximo".

Trump disse que a China se comprometeu a comprar mais produtos agrícolas americanos e que o acordo também toca temas de propriedade intelectual, serviços financeiros e divisas.