PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Petroleira boliviana anuncia interrupção no fornecimento de gás

13/11/2019 18h45

La Paz, 13 Nov 2019 (AFP) - A petroleira estatal YPFB alertou nesta quarta-feira (13) em comunicado "a probabilidade de suspensão" do fornecimento de gás para três cidades bolivianas, incluindo La Paz, por "razões ainda não determinadas", embora um congressista próximo à nova presidente interina tenha dito que trata-se de "um ataque".

O gasoduto interconectado que transporta gás natural para Cochabamba (centro da cidade), Oruro (sudoeste) e La Paz (oeste) "parou de operar devido a uma queda prematura de pressão por razões ainda não determinadas", informou a YPFB.

Essa situação abriu "a probabilidade de suspensão temporária do serviço de fornecimento de gás natural", acrescentou. A queda de pressão ocorreu no final da tarde desta terça.

Uma equipe especializada não conseguiu chegar ao local devido a barreiras na região feitas de partidários de Morales, que protestam contra sua renúncia, depois de quase 13 anos no poder, atribuída a um golpe de estado causado por movimentos civis, apoiado pelos militares e pela polícia.

O senador Arturo Murillo, próximo à presidente interina, Jeanine Áñez, disse à Rádio Panamericana de La Paz que houve "um ataque a um gasoduto na área de Jatupampa" em Cochabamba, que ele considerou um fato "muito sério" que deverá ser punido. No entanto, não ofereceu mais detalhes.

Áñez ainda não nomeou sua equipe ministerial.

rb/gma/ll/mvv

PUBLICIDADE