IPCA
0,51 Nov.2019
Topo

Vale anuncia saída da Nova Caledônia

03/12/2019 05h58

Nouméa, 3 dez 2019 (AFP) - A direção da mineradora brasileira Vale anunciou nesta terça-feira o fim de suas atividades na Nova Caledônia, arquipélago francês no Pacífico, e que procura um comprador para sua deficitária fábrica hidrometalúrgica de níquel de Goro, no sul da ilha.

A Vale quer passar para o nível de acionista em 2020. Vamos mudar o modelo inicial, que não funciona, fechando a fábrica e produzindo apenas NHC (Nickel Hydroxyde cake: níquel pouco refinado)", declarou o presidente da Vale-NC, Antonin Beurrier.

O executivo explicou que o novo modelo será baseado na exportação de dois milhões de toneladas de minerais de níquel, o que exigirá uma autorização das autoridades caledonianas. A fábrica tem 1.280 funcionários atualmente.

"Acontecerão demissões, mas vamos limitar o máximo possível e os trabalhadores serão realocados", afirmou o presidente. Ele indicou que as negociações com os sindicatos devem prosseguir até 9 de dezembro.

O banco de investimentos Rothschild foi o escolhido para tentar encontrar compradores, informou Beurrier. O executivo se declarou confiante e chamou de produto "extraordinário" o NHC para o mercado de baterias de carros elétricos.

"É um mercado que cresce entre 20 e 40% ao ano. Grupos como Tesla, BASF ou Panasonic estão dispostos a comprar", disse.

cw/lb/zm/fp

Economia