PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

Brasil afunda supermercados espanhóis Dia em perdas no 1o trimestre

12/05/2020 12h25

Madri, 12 Mai 2020 (AFP) - Os maus resultados no mercado brasileiro afundaram os resultados da rede espanhola de supermercados Dia, com perdas de quase 143 milhões de euros (cerca de 155 milhões de dólares), apesar do aumento de vendas registrado na Espanha, devido à pandemia.

Em graves problemas financeiros há anos, a rede sofreu uma diminuição de vendas de 23% no Brasil, devido à redução de sua rede de lojas e aos efeitos negativos da desvalorização do real.

Com parâmetros comparáveis, a queda de vendas no Brasil teria sido de 7,8%, aponta o Dia.

Já as vendas aumentaram em seus outros três principais mercados - Espanha, Portugal e Argentina -, mas não puderam compensar as perdas registradas no Brasil, o segundo mercado com mais peso dentro do grupo.

No total, o faturamento dos supermercados Dia diminuiu 2,1%, a 1,696 bilhão de euros, mas com um número de lojas comparável ao do intervalo de há um ano, quando o grupo começou uma importante redução de sua rede comercial dentro de seu plano de transformação, as vendas teriam aumentado em 2,6%, relata o Dia em sua apresentação de resultados.

Adquirido em maio de 2019 pelo oligarca russo Mikhail Fridman por meio de uma OPA hostil, o Dia sofreu uma perda líquida de 790 milhões de euros no último exercício. Foi quando lançou um plano de redução de pessoal, principalmente no Brasil e Espanha.

emi/dbh/mg/mar/tt

Economia