PUBLICIDADE
IPCA
-0,38 Mai.2020
Topo

ONU pede que facilitem ajuda a marinheiros presos em navios por pandemia

12/06/2020 13h55

Nações Unidas, Estados Unidos, 12 Jun 2020 (AFP) - O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, pediu nesta sexta-feira a todos os países que facilitem o socorro às pessoas que trabalham no mar, cruciais para o comércio internacional, já que centenas de milhares de agentes estão presos devido a restrições relacionadas à pandemia de COVID-19.

"O secretário-geral apela a todos os países para que designem formalmente os funcionários marítimos e de comércio associados como 'trabalhadores-chave' e garantam que as substituições de tripulações sejam realizadas e seguras", afirma um comunicado do organismo.

Guterres disse que "centenas de milhares dos dois milhões" de trabalhadores do setor "estão presos no mar há meses".

Sem poder deixar os navios, esses trabalhadores excedem o tempo máximo trabalhando no mar estipulado em convenções internacionais e "alguns estão ali há 15 meses", explicou.

O transporte marítimo representa mais de 80% do comércio e é crucial para o fornecimento de medicamentos, alimentos e bens essenciais na luta contra a pandemia, segundo Antonio Guterres.

prh/iba/llu/dg/cc

Economia