PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Taiwan pede proteção de Hong Kong contra 'autocracia chinesa'

19/06/2020 12h12

Copenhaga, 19 Jun 2020 (AFP) - A presidente de Taiwan, Tsai Ing-wen, pediu que as liberdades em Hong Kong sejam protegidas da autocracia chinesa, em um discurso feito na Europa nesta sexta-feira (19).

"Se permitirmos que forças antidemocráticas e autocráticas ultrapassem suas fronteiras, negligenciaremos nossos próprios valores democráticos", disse ela, por teleconferência, em uma cúpula anual sobre democracia em Copenhague.

"Taiwan se uniu à comunidade internacional, pedindo às autoridades de Pequim que cumpram sua obrigação de respeitar as liberdades fundamentais de Hong Kong", acrescentou.

Seu discurso elogiou Taiwan como "uma democracia viva, aberta e respeitosa", que quer continuar "fornecendo toda a ajuda humanitária necessária à população de Hong Kong".

Reeleita em janeiro para um segundo mandato, a líder de Taiwan incomoda a China continental, porque considera a ilha como um Estado soberano de facto e rejeita a visão de uma "China única".

A embaixada da China em Copenhague protestou contra sua participação e a de Joshua Wong, líder da oposição de Hong Kong, nesta cúpula. O secretário de Estado americano, Mike Pompeo, também discursou no evento.

Hong Kong, um território semiautônomo, foi palco em 2019 de grandes manifestações contra a influência do governo chinês.

cbw/phy/at/pc/mis/tt