PUBLICIDADE
IPCA
0,86 Out.2020
Topo

Boeing: novos problemas no 787 Dreamliner atrasam entregas

08/09/2020 16h11

Nova York, 8 Set 2020 (AFP) - A Boeing afirmou nesta terça-feira que detectou um terceiro defeito de fabricação no 787 Dreamliner e "levará tempo para examinar rigorosamente" todas as aeronaves que ainda não foram entregues.

Essas novas inspeções devem "afetar o cronograma de entrega do 787 no curto prazo", disse o fabricante em mensagem à AFP.

O defeito que foi divulgado nesta terça-feira é no estabilizador horizontal, disse um porta-voz do grupo.

A agência reguladora da aviação dos EUA, a FAA, também informou na segunda-feira que lançou uma investigação sobre esses defeitos de fabricação.

Afetado pelo declínio nas viagens aéreas desde o início da pandemia do coronavírus, o grupo indicou em julho que produziria apenas seis 787 Dreamliners por mês em 2021, contra 10 atualmente.

A fabricante já foi afetada pela crise do 737 MAX, sua aeronave estrela que não voava desde março de 2019, após dois acidentes fatais.

jum/etr/mr/rsr/cc

BOEING