PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

Fim do alerta de coronavírus em navio de cruzeiro no porto de Atenas

29/09/2020 16h15

Atenas, 29 Set 2020 (AFP) - As autoridades de saúde gregas colocaram nesta terça-feira (29) um "fim ao alerta" sobre o Mein Schiff 6, o primeiro cruzeiro a retornar à Grécia desde que passou por quarentena. A decisão foi anunciada depois que resultados de três testes realizados na tripulação deram negativos.

Esse navio de bandeira maltesa, que opera para o gigante do turismo alemão TUI, transporta 922 passageiros e 666 tripulantes.

Na segunda-feira, os primeiros testes revelaram que havia uma dúzia de casos de covid-19 entre os membros da tripulação.

O cruzeiro foi então colocado em "estado de alerta" e atracou no porto de Pireu, em Atenas, na manhã desta terça-feira. Lá, três testes consecutivos foram realizados na tripulação.

Os resultados desses três testes "foram negativos" e "encerramos o alerta", informou o vice-ministro da Proteção Civil, Nikos Hardalias, a repórteres nesta terça-feira.

Na segunda-feira, a guarda costeira grega havia informado que cerca de uma dúzia de tripulantes tinham testado positivo para a doença. De acordo com a TUI, eles eram assintomáticos.

Todos os passageiros foram diagnosticados como saudáveis após serem submetidos a testes antes do embarque, segundo uma porta-voz da guarda costeira.

O cruzeiro, o primeiro a retornar às águas gregas desde o início das medidas de quarentena no final de março, atracou em meados de setembro no porto de Heraklion, em Creta, e partiu na tarde de domingo para Pireu, o porto de Atenas.

No entanto, ele teve que fazer uma escala na costa da ilha de Milos na segunda-feira, após a detecção de casos da covid-19.

jph/wdb/sl/etr/pc/es/me/bn/cc

TUI AG