PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Amazon planeja uma transição suave para continuar a expansão

03/02/2021 17h41

Washington, 3 Fev 2021 (AFP) - A Amazon enfrenta uma mudança na liderança com a saída do fundador Jeff Bezos do cargo de CEO, mas o designado Andy Jassy buscará continuar a espetacular expansão da empresa de 27 anos.

Aqui estão algumas respostas ao anúncio surpresa de terça-feira.

- O que essa mudança significa para a Amazon? -Embora Bezos tenha sido o grande visionário por trás do sucesso da Amazon, a mudança provavelmente terá um impacto mínimo por enquanto. Bezos assumirá a função de "CEO", vinculando-o às decisões estratégicas, enquanto Jassy cuidará das operações do dia a dia.

A reação do mercado às notícias que vieram com o relatório de lucros do quarto trimestre de 2020 foi moderada.

"Andy Jassy seguirá o plano de jogo de Bezos", tuitou o analista da Loup Ventures, Gene Munster. "Bezos, sem dúvida, terá uma mão pesada na gestão da empresa como presidente".

A mudança dá a Bezos mais espaço para se concentrar em outros empreendimentos como a Blue Origin, sua empresa espacial, e o Washington Post, além de suas atividades filantrópicas.

- Por que Andy Jassy? -Jassy, 53, está na Amazon desde 1997 e liderou a criação da Amazon Web Services (AWS), o ramo de computação em nuvem, que se tornou um pilar de receita e ganhos.

Ele é graduado e pós-graduado pela Universidade de Harvard.

De acordo com o perfil da empresa, Jassy criou "mais de 90 serviços de infraestrutura e aplicativos em nuvem que são usados por milhões de startups empresas e governamentais em todo o mundo".

Analistas dizem que a escolha de Jassy ressalta o compromisso da Amazon em manter seu foco em serviços em nuvem, uma área onde a competição está crescendo com jogadores como Microsoft, Google e outros.

A Amazon detinha cerca de 32% do mercado de infraestrutura em nuvem no último trimestre.

"Vemos isso como um grande passo à frente na corrida armamentista na nuvem (serviços) com a Microsoft, sua rival", disse Dan Ives, da Wedbush Securities.

"Jassy é um titã indiscutível da nuvem e tem sido uma força chave para levar a AWS ao topo ... na última década", acrescentou.

- Quais são os desafios da Amazon no futuro? -A Amazon está em uma fase de crescimento desenfreado que se acelerou durante a pandemia, mas também enfrenta um ambiente competitivo mais difícil e maior escrutínio das autoridades antimonopólio em todo o mundo.

As operações de comércio eletrônico aumentaram durante a pandemia e "podem prosperar graças à sua rede de logística superior", disse Neil Saunders, analista da GlobalData.

Mas a Amazon "também terá que trabalhar duro contra rivais que podem usar suas frotas de distribuição para satisfazer o imediatismo e a conveniência que os consumidores estão pedindo", acrescentou o analista.

"Como a Amazon mostrou, os mercados não são estáticos: com determinação e esforço, novos entrantes podem crescer e prosperar e assumir os titulares. Outros podem fazer o mesmo com a Amazon, então os esforços de Bezos ainda são extremamente necessários", indicou.

Daniel Newman, da Futurum Research, observou que os sapatos que Jassy terá de preencher são enormes, à medida que a Amazon se expande para novas geografias e setores.

"Jassy será monitorado de forma semelhante ao (CEO da Apple) Tim Cook. Um operador com um grande histórico, mas será ele o visionário que pode levar a jornada da Amazon para o próximo nível? Com base no que ele fez na AWS, certamente há uma razão para acreditar que tem os meios para que isso aconteça", avaliou Newman.

rl/bgs/mls/tly/ap

PUBLICIDADE