PUBLICIDADE
IPCA
+0,93 Mar.2021
Topo

As principais verificações da AFP nesta semana

19/03/2021 10h05

Rio de Janeiro, 19 Mar 2021 (AFP) - Veja a seguir a seleção das principais verificações da AFP nesta semana:

1 - MORTES POR VACINAÇÃO??

Circulam pelas redes sociais desde o dia 1° de março publicações compartilhadas mais de 7 mil vezes que alegam que a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) "confirmou" 34 óbitos e 767 efeitos adversos no primeiro mês de vacinação contra a covid-19 no Brasil. No entanto, os números coletados do painel de notificações do órgão não são comprovadamente decorrentes dos imunizantes. A Anvisa informou que, até agora, não há nenhum óbito conhecido relacionado ao uso das vacinas contra covid-19 autorizadas no país.

http://u.afp.com/AnvisaConfirma

2 - MULTIDÕES EM ATOS PRÓ-BOLSONARO

Imagens de multidões vestindo as cores verde e amarelo foram compartilhadas dezenas de milhares de vezes em redes sociais desde 14 de março, quando diversas cidades registraram manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro e contra as medidas de restrição adotadas por governadores devido à pandemia. "Alguém viu isso na TV?", questionou um usuário. No entanto, ao menos quatro das fotos viralizadas são anteriores a estes protestos e foram feitas, inclusive, antes da detecção do novo coronavírus.

http://u.afp.com/ProtestoMarço

3 - LULA E GRIPE A H1N1

Uma imagem do ex-presidente Lula acompanhada por uma frase dita por ele supostamente minimizando a pandemia da gripe A H1N1 foi compartilhada mais de 30,8 mil vezes nas redes sociais desde o início de janeiro. Mas a ilustração viralizada foi publicada na revista Veja em 1º de abril de 2009, quando sequer havia casos da chamada gripe suína no Brasil, e Lula fazia referência à crise financeira internacional.

http://u.afp.com/LulaGripe

4 - AMBULANTE E PM

Publicações que mostram uma vendedora ambulante tentando impedir que um policial militar apreenda o seu recipiente térmico somaram mais de 134,4 mil interações nas redes sociais desde o último dia 11 de março. Segundo os usuários, a ação fez parte das medidas adotadas por governadores e prefeitos para enfrentar a pandemia de covid-19. Mas a foto viralizada foi registrada em setembro de 2016, durante uma manifestação contra o então presidente Michel Temer.

http://u.afp.com/AmbulantePM

5 - DESVIO DE VERBA DA SAÚDE

Fotos e vídeos de quantias de dinheiro apreendidas pela Polícia Federal (PF) viralizaram nas redes sociais desde o último dia 3 de março com a afirmação de que retratavam uma operação contra desvio de verba pela Secretaria de Saúde de Imperatriz, município do Maranhão. Mas a maioria das imagens, compartilhadas mais de 1,6 mil vezes, foram registradas em Sergipe durante uma ação contra a prática de jogos de azar, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.

http://u.afp.com/AçãoPF

6 - OMS E LOCKDOWN

Publicações compartilhadas mais de 20 mil vezes em redes sociais, pelo menos desde o dia 4 de março, tiram de contexto uma declaração de um funcionário da Organização Mundial de Saúde (OMS), David Nabarro, sugerindo que a entidade é contrária ao lockdown para controlar a pandemia do novo coronavírus. Na verdade, ele alertou para as consequências da medida, mas reconheceu sua utilidade em casos em que a transmissão do vírus está fora de controle.

http://u.afp.com/OMSLockdown

7 - VACINA EM GESTANTE

Uma mulher vestida com um uniforme médico sorri para a câmera enquanto segura uma ultrassonografia na mão esquerda. No braço direito, recebe uma injeção. Essa imagem somou centenas de interações desde o início de fevereiro, em publicações que afirmam que, após ser vacinada, perdeu o seu bebê de 14 semanas. Mas, na verdade, a protagonista da cena não é a mesma identificada nas postagens e, além disso, ela confirmou em suas redes sociais que está saudável e que sua gestação evolui normalmente após ter sido vacinada contra a covid-19.

http://u.afp.com/GestanteVacina

cc