PUBLICIDADE
IPCA
+0,83 Mai.2021
Topo

Lituânia abandona fórum de cooperação China 17+1 por ser 'divisivo'

22/05/2021 13h34

Vilnius, 22 Mai 2021 (AFP) - A Lituânia afirmou neste sábado (22) que abandonará o fórum de cooperação China 17+1 em que participam países da Europa central e do leste e inclui outros países da União Europeia (UE), classificando-o como "divisivo".

Membro do grupo desde 2012, o país báltico pediu aos países da UE para que saiam também em meio ao deterioramento das relações entre esse bloco de 27 nações e a China.

"Lituânia já não se considera membro da 17+1 e não participará nessa iniciativa", afirmou o ministro de Relações Exteriores, Gabrielius Landsbergis, à AFP.

O ministro qualificou o grupo de cooperação como "divisivo" da perspectiva da UE. "A força e o impacto da Europa se baseia em sua unidade", assinalou Landsbergis.

A atitude da Lituânia é o último indício do deterioramento da relação entre a China e a UE.

O Parlamento Europeu votou majoritariamente na quinta-feira a favor de suspender a ratificação do acordo de investimentos com Pequim enquanto permanecerem as sanções chinesas contra legisladores e acadêmicos europeus.

Há alguns meses, a Lituânia iniciou várias medidas como o bloqueio de investimentos chineses e o anúncio de que abriria um esritório comercial em Taiwán.

Assim mesmo, o Parlamento lituano condenou na quinta feira o tratamento da minoria uigure na China.

sj/mas/bp/eg/tjc/gf