PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Com demanda afetada pela pandemia, preços do petróleo ficam estagnados

Em Londres, o Brent do Mar do Norte para entrega em setembro fechou quase estável a 74,48 dólares (-0,02%) - Lucy Nicholson
Em Londres, o Brent do Mar do Norte para entrega em setembro fechou quase estável a 74,48 dólares (-0,02%) Imagem: Lucy Nicholson

27/07/2021 19h00

Os preços do petróleo, que atingiram nesta terça-feira (27) níveis anteriores à reunião da Opep+ há quinze dias, fecharam em leve baixa, com os investidores à espera da evolução da pandemia de covid-19.

Em Londres, o Brent do Mar do Norte para entrega em setembro fechou quase estável a 74,48 dólares (-0,02%).

No entanto, no início da sessão, chegou a superar a marca dos 75 dólares, atingindo os 75,05 dólares pela primeira vez desde 14 de julho.

Em Nova York, o WTI americano para entrega no mesmo mês caiu 0,36%, a 71,65 dólares.

"O medo de novas restrições de viagem nos principais países consumidores em resposta à propagação da variante Delta da covid-19 está limitando o aumento dos preços do petróleo", disse o analista do Commerzbank Carsten Fritsch.

Os Estados Unidos mantiveram nesta segunda as restrições a viagens internacionais, apesar dos pedidos de reciprocidade da União Europeia.

PUBLICIDADE