PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Pedidos de seguro-desemprego mantêm tendência de queda nos EUA

19/08/2021 13h35

Washington, 19 Ago 2021 (AFP) - Os pedidos semanais de seguro-desemprego continuaram em queda nos Estados Unidos no início de agosto, em um momento em que as ajudas sociais oferecidas pelo governo pela pandemia vão chegando ao fim e que a variante delta do coronavírus ameaça desacelerar a recuperação econômica.

Entre 8 e 14 de agosto, 348.000 pessoas se inscreveram para receber seguro-desemprego, após serem demitidas, o nível mais baixo desde o início da pandemia do coronavírus, conforme dados divulgados nesta quinta-feira (19) pelo Departamento do Trabalho.

Os analistas esperavam 370.000 novas inscrições, um pouco menos do que na semana anterior. Com isso, os dados foram revisados para cima, para 377.000, em vez de 375.000.

A média das últimas quatro semanas também caiu, para 377.750, seu nível mais baixo desde que a covid-19 paralisou a atividade econômica abruptamente, em março de 2020.

"Isso reflete os grandes progressos que realizamos em nossa reativação econômica", celebrou o presidente Joe Biden, em um raro comunicado de imprensa sobre o assunto.

No entanto, "nossa reativação econômica está longe de acabar", alertou Biden, que antecipou "altos e baixos no caminho" enquanto o país continua lutando contra a onda da variante delta do coronavírus.

A Casa Branca promove dois gigantescos pacotes econômicos para estimular a economia, com trilhões de dólares que seriam destinados à infraestrutura e planos sociais, caso o Congresso os apoie.

Em torno de 11,7 milhões de americanos estavam desempregados no final de julho, conforme os dados mais recentes disponíveis.

No mês passado, a taxa de desemprego caiu para 5,4%.

jul/alb/eb/rsr/yo/tt/aa

PUBLICIDADE