PUBLICIDADE
IPCA
0,87 Ago.2021
Topo

Em grave crise, Sri Lanka declara estado de emergência alimentar

31/08/2021 07h58

Colombo, 31 Ago 2021 (AFP) - Mergulhado em uma grave crise econômica e monetária, o governo do Sri Lanka declarou, nesta terça-feira (31), estado de emergência alimentar, enquanto os bancos privados, sem divisas, não podem mais financiar as importações.

O presidente Gotabaya Rajapaksa disse ter ordenado a adoção de medidas urgentes para conter o acúmulo de açúcar, arroz e outros alimentos essenciais.

Entre elas, endureceu as sanções contra os estoques de alimentos, enquanto longas filas se formam em frente às lojas.

Esta medida é consequência do forte aumento dos preços do açúcar, do arroz, da cebola e da batata neste país de 21 milhões de habitantes, que também sofre com a escassez de leite em pó, querosene e gás de cozinha.

Essa escassez acontece em plena onda de covid-19, que deixa mais de mortos por dia em números atuais.

Desde o início da pandemia, o país acumula 436.081 casos e 8.991 óbitos.

A queda no turismo desde março de 2020 causada pela pandemia do coronavírus provocou uma contração de 3,6% da economia no ano passado e afetou suas reservas cambiais.

Para protegê-las, o governo proibiu a importação de muitos produtos não essenciais, como veículos, equipamentos sanitários, assim como de óleos alimentares, ou açafrão, uma especiaria essencial na culinária local.

A rúpia perdeu mais de 20% de seu valor em relação ao dólar americano neste mesmo período, segundo dados oficiais.

aj/tw/dan/lth/esp/mab/zm/tt

PUBLICIDADE