PUBLICIDADE
IPCA
1,25 Out.2021
Topo

Presidente do Fed é alvo de questionamentos por transações na bolsa

19/10/2021 18h10

Washington, 19 Out 2021 (AFP) - O presidente do Federal Reserve (Fed), o banco central americano, Jerome Powell, está sendo alvo de questionamentos por transações importantes na Bolsa de Valores realizadas durante a crise, revelações estas que podem prejudicar a continuidade do dirigente em um segundo mandato à frente do organismo.

Jerome Powell vendeu na bolsa em 1º de outubro de 2020 uma parte de seus ativos, e obteve entre 1 e 5 milhões de dólares de liquidez, segundo documentos oficiais disponíveis online.

"Os saques [de liquidez] tinham como objetivo cobrir gastos familiares", declarou nesta terça-feira à AFP um porta-voz do Fed.

Diversos dirigentes do Fed foram questionados por suas transações na bolsa, e dois deles renunciaram recentemente, enquanto as regras de ética da entidade estão sob revisão.

Os títulos vendidos por Jerome Powell não se concentravam em nenhum setor em particular.

Contudo, essas transações, realizadas pouco antes de uma queda em Wall Street, alimentam as dúvidas sobre um eventual conflito de interesses.

As vendas foram reveladas pelo site progressista The American Prospect, que pede que o mandato de Powell, que termina em fevereiro de 2022, não seja renovado, enquanto os democratas estão divididos sobre o assunto.

O vice-presidente do Fed, Richard Clarida, também declarou transações de um montante considerável realizadas em fevereiro de 2020, no início da pandemia de coronavírus, pouco antes de uma redução dos juros do Fed para sustentar a economia.

jul-hs/vmt/bt/mr/rpr/mvv

PUBLICIDADE