Bolsas

Câmbio

Construtor tem pressa para vender aptos de menos de US$ 3 mi

Oshrat Carmiel

(Bloomberg) - O incorporador imobiliário de Manhattan Ben Shaoul está com pressa.

Em um mercado onde os apartamentos de menos de US$ 3 milhões são escassos, a Magnum Real Estate Group, de Shaoul, iniciará neste mês as vendas em dois projetos cheios deles. Ele disse que espera vender os apartamentos rapidamente - para ficar à frente da concorrência, que só agora está passando para unidades com preços mais baixos, depois de quatro anos de um boom de construções voltadas exclusivamente para os compradores mais ricos.

"Nosso plano de negócios aqui é a velocidade", disse Shaoul em uma entrevista. "Vender os edifícios neste ano, terminar neste ano, entregar neste ano. Este produto não está disponível neste momento no mercado, por isso vamos entregar em 2016, antes que alguém apareça em 2017".

A Magnum está se preparando para abrir as vendas dos projetos do número 389 da rua 89 East, no Upper East Side, e do Luminaire, no Gramercy, ambas antigas torres de aluguel compradas em 2014 que estão sendo reformadas e emelezadas para se tornarem condomínios. No imóvel do Upper East Side, cuja comercialização começa hoje, os apartamentos de dois quartos custam a partir de US$ 1,58 milhão para uma unidade com 102 metros quadrados, de acordo com documentos apresentados ao escritório do procurador-geral do estado de Nova York. A unidade de três quartos mais barata, com 122 metros quadrados, custa US$ 1,95 milhão.

A residência mais cara na torre de 156 unidades - onde as instalações incluem um terraço com jardim e um playground - é uma cobertura com 173 metros quadrados no valor de US$ 5,25 milhões.

Embora essas somas pudessem comprar mansões na maior parte dos Estados Unidos, elas são relativamente pequenas em Manhattan, lugar saturado de luxo, onde o preço médio de venda de um apartamento recém-construído chegou ao recorde de US$ 2,06 milhões no quarto trimestre, de acordo com um relatório da taxadora Miller Samuel e da corretora Douglas Elliman Real Estate.

"Claramente, isso não vai resolver o problema da acessibilidade", disse Jonathan Miller, presidente da Miller Samuel. Mas oferecer algo novo, entre US$ 1 milhão e US$ 2 milhões, "é tão incomum e tão raro que parece preencher um nicho".

Vista para o rio

O aumento dos custos de terrenos e de construção tem forçado os incorporadores de Manhattan a construir unidades cada vez maiores e luxuosas para obter lucro. Neste ano, 5.126 apartamentos recém-construídos serão adicionados ao mercado de vendas, o maior número desde 2007, segundo Corcoran Sunshine Marketing Group. Desses, 63 por cento são considerados "de luxo", que, segundo a corretora, são unidades cujo metro quadrado custa US$ 25.824 ou mais. No projeto do número 389 da rua 89 East, o metro quadrado custará em média US$ 17.173, e, no Luminaire, a média será de US$ 19.250.

No Luminaire, uma antiga torre de aluguel com 140 unidades na First Avenue, perto da rua 23 East, o incorporador está derrubando paredes e redesenhando as plantas para criar 103 apartamentos. A maior parte deles - 53 apartamentos - terá dois dormitórios e custará entre US$ 1,75 milhão e US$ 2,73 milhões, disse Shaoul. As 41 unidades de um quarto do edifício custarão a partir de US$ 950.000.

Os andares superiores, com vista panorâmica para o rio East, terão nove apartamentos de três quartos. O mais caro, avaliado em US$ 4,95 milhões, tem 184 metros quadrados de espaço de convivência e um terraço de 117 metros quadrados, mostram documentos do incorporador. As vendas vão começar no final do mês.

Com mais de 250 apartamentos nos dois imóveis, Shaoul está definindo alguns pontos de referência, como planos para que seus primeiros compradores se mudem por volta de agosto e a venda total até o final do ano. Ele também prometeu não aumentar os preços - uma tática comum entre incorporadores quando os apartamentos começam a ser vendidos rapidamente - enquanto metade das unidades não forem vendidas.

"Não tenho nenhum interesse em arrastar esses edifícios", disse ele. "Quero vender esses apartamentos e passar para meu próximo projeto".

Título em inglês: 'Manhattan Builder Rushing to Sell Condos at Less Than $3 Million'

Para entrar em contato com o repórter:

Oshrat Carmiel, em Nova York, ocarmiel1@bloomberg.net.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos