Bolsas

Câmbio

Tatuagens e cigarros eletrônicos invadem comércio britânico

Sam Chambers

(Bloomberg) -- Há dez anos, casas de apostas e lojas de penhor arrebataram os pontos comerciais vazios no Reino Unido. Agora, estúdios de tatuagens e vendedores de cigarro eletrônico estão ocupando esse lugar vazio -- e muitos pontos comerciais estão desocupados.

Um de cada dez pontos comerciais no centro de cidades do Reino Unido está desocupado, de acordo com a empresa de pesquisa Springboard, e o recente colapso da rede de lojas de departamento BHS deixou ainda mais lugares vazios.

Entre os que estão correndo para ocupar esse espaço estão os artistas que aumentaram em 79% o número de estúdios de tatuagem no Reino Unido nos últimos seis anos, para 2.288, de acordo com a empresa de análise do setor varejista LDC.

Esses recém-chegados são uma solução de curto prazo, afirmam os analistas, que projetam mais movimentação nos próximos anos, porque a economia do Reino Unido está exposta às intempéries do Brexit e mais lojas estão sucumbindo à ascensão do comércio eletrônico.

Os consumidores britânicos, líderes mundiais nas compras online, vão às lojas em busca de serviços e experiências, em vez de bens físicos -- mas tendências como os cigarros eletrônicos e as tatuagens podem mudar rapidamente.

"Esses conceitos são relativamente novos e não estiveram à prova nos altos e baixos da economia nem nos ciclos do mercado imobiliário", disse Hugo Clark, diretor imobiliário da empresa de consultoria Deloitte. "Eles estarão em risco se a economia cair ou se o comportamento do consumidor mudar".

Entre os empreendedores que encabeçam essa transformação dos distritos comerciais do Reino Unido, está Tom James, 38, que abriu o Purple Rose Tattoo Parlour em Bristol, cidade no sudoeste da Inglaterra, cinco anos atrás.

Inicialmente, ele alugava apenas um terço do lugar, mas a demanda foi tanta que dois meses depois ele fechou um acordo para alugar o ponto comercial inteiro. Os clientes incluem desde uma mulher de 75 anos que todos os anos se dá de presente de aniversário uma nova tatuagem a nervosos adolescentes de 18 anos que vão fazer sua primeira tatuagem.

As tabacarias de cigarros eletrônicos são outro aspecto crescente nas ruas comerciais britânicas. Nos últimos seis anos, o número de comerciantes de tabaco do Reino Unido -- principalmente os que vendem cigarros eletrônicos -- mais que quadruplicou, para 1.783.

A Vape Emporium foi montada em 2013 por Andy Logan, 38, para ajudar que ex-fumantes se afastem dos cigarros tradicionais e adotem alternativas modernas. Logan emprega ex-fumantes em suas lojas nos distritos londrinos de Hampstead e Richmond para aconselhar os clientes preocupados com a saúde que buscam uma dose de nicotina menos prejudicial.

Por oferecerem aconselhamento e uma experiência tátil, empresas como The Purple Rose e Vape Emporium estão dando aos clientes algo que eles não podem conseguir pela internet. Ter um estoque pequeno também ajuda a manter os custos iniciais baixos e possibilita o funcionamento em espaços menores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos