Bolsas

Câmbio

Toyota lança robô falante que cabe no porta copos do carro

Craig Trudell e Yuki Hagiwara

(Bloomberg) -- A Toyota Motor deu um grande passo para a robótica ao levar o primeiro humanoide ao espaço para conversar com astronautas. Agora, a empresa está dando um pequeno passo rumo à comercialização de robôs para as massas.

A maior fabricante de automóveis do Japão começará a vender um robô falante de 10 centímetros de altura chamado Kirobo Mini no Japão no início de 2017. Com um preço de 39,8 mil ienes (US$ 390 ou quase R$ 1.300,00), e pequeno o bastante para caber no porta copo de um carro, o Kirobo é capaz, segundo a Toyota, de reagir às emoções humanas enquanto conversa e mover a cabeça e as mãos.

A Toyota posicionará o Kirobo como um parceiro de comunicação desenvolvido para fazer companhia ao motorista justamente no momento em que pesquisas com consumidores japoneses mostram o declínio da afinidade com os automóveis.

Uma pesquisa da associação de fabricantes de veículos do Japão divulgada em abril mostrou que cerca de 30 por cento dos consultados com menos de 30 anos não tinham nenhum interesse em carros.

Na cidade de Toyota, a fabricante japonesa tentará aproveitar as habilidades de Kirobo para ajudar a tornar o ato de dirigir mais seguro. O robô pode gritar "Oops!" se seu dono pisar no freio repentinamente, começar a falar para animar um motorista sonolento e fazer elogios quando chegar em casa após um longo trajeto.

O Kirobo se conecta via Bluetooth a um aplicativo de smartphone que custa 300 ienes (menos de R$ 10,00) por mês aos usuários.

Aposta de US$ 1 bi

A Toyota comprometeu US$ 1 bilhão em investimentos ao longo de cinco anos em um instituto de inteligência artificial e robótica que está liderando as iniciativas de pesquisa em áreas como direção autônoma.

O financiamento destinado ao Instituto de Pesquisa da Toyota é equivalente ao montante gasto pela empresa no desenvolvimento do primeiro híbrido Prius, disse o presidente Akio Toyoda em discurso no Salão do Automóvel de Paris, na semana passada.

O Kirobo começará a ser vendido no Japão cerca de um ano e meio após o robô Pepper, da SoftBank, que inicialmente custou 198 mil ienes, junto com um plano de serviço de 14,8 mil ienes por mês que deu aos usuários acesso ao reconhecimento de voz baseado em nuvem e a uma loja de aplicativos.

Uma versão maior do Kirobo passou 18 meses a bordo da Estação Espacial Internacional em uma viagem que terminou em fevereiro de 2015. Antes de retornar à Terra, o Kirobo se tornou o primeiro robô a falar no espaço e conversou com o astronauta japonês Koichi Wakata.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos