Bolsas

Câmbio

É hora de reservar viagem para o Tour de France do ano que vem

Nikki Ekstein

(Bloomberg) -- Andy Levine, CEO e fundador da DuVine Cycling + Adventure, fala sobre o Tour de France com tanta energia quanto as disparadas do ciclista Nairo Quintana em uma subida inclinada.

"Seguir o Tour é como seguir um circo, talvez como acompanhar o Grateful Dead", diz ele. Sua animação aumenta a cada frase. "Tem todo tipo de loucura. Você segue esse grupo empolgante que percorre 200 quilômetros por dia. É como o Burning Man!"

É por isso que todos os anos, ele e sua empresa mergulham clientes no meio disso tudo. Ele coloca-os em áreas VIP, onde podem ver os atletas se preparando para um novo trecho, se exercitando com os treinadores e ajeitando as bicicletas; ele consegue lugares excelentes na arquibancada perto do Arco do Triunfo, onde a corrida chega a seu importante fim; e ele leva-os de bicicleta à frente do grupo de competidores em diversos trechos, para que eles tenham uma experiência envolvente e incomparável. Ele também é amigo de vários atletas, então sem dúvida conta com acesso privilegiado.

Há espaço para apenas 14 clientes em cada uma das três viagens da DuVine: uma vai dos Alpes a Paris; outra se concentra nas etapas de montanha e os famosos caminhos de escalada dos Pireneus; e a terceira tem baixa dose de ciclismo e alto teor de degustação de vinhos em Bordeaux, um novo destino para o Tour. Ao contrário de viagens similares, a DuVine leva os clientes à frente do Tour em determinados trechos, em vez de ir atrás da coisa toda.

A demanda está alta neste ano, então os entusiastas preferirão reservar agora. "O ciclismo está ficando cada vez mais popular, e o Tour está voltando a entrar na lista do que fazer antes de morrer", diz Levine, que acrescentou que não é coincidência que a LVMH agora esteja prestes a comprar a fabricante de bicicletas de primeira linha Pinarello.

Outro motivo para a demanda alta? Para começar, poucos fornecedores oferecem viagens que acompanham o Tour. Há uma lista de operadores oficiais no site do Tour; nem todos se concentram em serviços completos, com os quais os turistas podem esperar hospedagem e orientações de primeira. (A lista não é completa; reflete apenas os operadores que pagam para ter uma afiliação direta.)

Trek Travel, a companhia mais estimada entre os "agentes aprovados" do Tour, afirma que sua viagem Tour de France Alps já está esgotada. Mas outros itinerários -- como uma viagem voltada para os Pirineus e outra que se concentra na experiência da linha de chegada em Paris -- ainda têm disponibilidade. Butterfield & Robinson, que antigamente oferecia viagens para o Tour de France, deixou de fazê-lo por preocupações com a logística, como os altos custos de cancelamento e a oferta hoteleira limitada.

Em outras palavras, reserve um dos lugares que restam em uma dessas viagens de alto nível enquanto é tempo. Não restam muitos, e eles estão indo embora a toda velocidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos