Bolsas

Câmbio

Burger King busca vantagem sobre McDonald's com pagamento móvel

Leslie Patton

(Bloomberg) -- Na corrida do setor de fast-food para possibilitar que os clientes façam pedidos e paguem por eles usando seus telefones, o Burger King busca conseguir a liderança desde o início sobre o McDonald's.

A rede vem testando uma tecnologia de pagamentos móveis na região de Miami desde dezembro e busca lançá-la de forma mais ampla em breve, segundo José Cil, presidente do Burger King. A iniciativa prepara o terreno para um lançamento nacional nos EUA dentro de alguns meses.

A disputa para lançar a tecnologia primeiro representa a próxima grande batalha das redes de hambúrgueres. Starbucks e as redes de pizzarias utilizam aplicativos de pedidos móveis há anos, mas as maiores empresas de fast-food estão tentando se atualizar agora. O McDonald's planeja a estreia nacional de sua tecnologia até o fim do ano, o que possivelmente dará ao Burger King uma oportunidade de se antecipar ao seu rival de muito maior porte.

Um aplicativo que permite que os usuários peçam e concluam compras por meio de um telefone celular ajudaria o Burger King a construir uma conexão mais próxima com seus clientes, disse Cil.

"Nossos convidados querem interagir conosco de formas mais convenientes e estamos procurando colocar nossa marca na palma de suas mãos", disse ele.

A rede de hambúrgueres, que faz parte da empresa Restaurant Brands International, preferiu não informar a data exata do lançamento nacional do aplicativo. O McDonald's também não comentou sobre o momento específico de estreia de sua tecnologia de pagamento móvel, reiterando apenas a meta de lançá-la em algum momento do quarto trimestre.

"Nós temos focado na integração de restaurantes para garantir que nossos clientes desfrutem de uma experiência harmônica e mais conveniente do que nunca", disse Terri Hickey, porta-voz do McDonald's, que tem sede em Oak Brook, Illinois, por e-mail. A tecnologia oferecerá "a flexibilidade de recolherem seus pedidos no balcão, no drive-thru ou em um novo ponto de entrega na calçada", disse ela.

Grandes promoções

Para o Burger King, em particular, há muito em jogo. A empresa tem precisado brigar mais pelos clientes neste ano e todo o mercado de fast-food está fortemente dependente dos descontos e das promoções para melhorar os resultados. Em março, as vendas nas mesmas lojas dos EUA do setor como um todo caíram 0,6 por cento, quarto mês consecutivo de declínio.

Nesse cenário, o McDonald's está vencendo o Burger King. Graças a uma reformulação do Big Mac e a especiais de bebidas, a empresa dos arcos dourados postou um resultado de vendas surpreendentemente positivo no último trimestre. O Burger King divulgou um declínio.

Um aplicativo de pagamentos móveis ajudaria a garantir clientes conduzindo-os pelo processo de compra. Os clientes poderão usar seus telefones para pedir comida antes mesmo de chegarem ao restaurante e pagá-la automaticamente -- evitando a confusão nos caixas.

A Starbucks mantém um serviço de pagamento móvel há anos que ajudou a popularizar seu app e seu programa de recompensas, que agora ostenta 13,3 milhões de membros nos EUA. Mas até mesmo a experiência em grande parte bem-sucedida da Starbucks teve contratempos: atualmente são tantos os clientes que driblam a área dos caixas que eles tendem a se acumular na área de entregas, gerando filas.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos