GE construirá motor de jato supersônico sonhado por bilionário

Thomas Black

  • Divulgação

(Bloomberg) -- A Aerion Corporation, financiada pelo bilionário Robert Bass, está negociando com a General Electric a construção de um motor que resolveria um dos principais obstáculos para o plano da fabricante de aviões de desenvolver jatos executivos capazes de voar acima da velocidade do som.

A Aerion, que já tem um comprador comprometido com o projeto AS2, vem trabalhando com fabricantes de motores para chegar ao design básico do primeiro jato supersônico não-militar desde a suspensão dos voos do Concorde, em 2003. A GE fabrica motores de jatos para grandes aeronaves comerciais, incluindo aviões da Boeing e da Airbus.

"As duas empresas continuarão participando de um processo formal e fechado para definir uma possível colaboração para um motor para o AS2", afirmaram a GE e a Aerion em comunicado, na segunda-feira (22).

O esforço da Aerion para construir um jato executivo supersônico ganhou impulso quando a Airbus Group concordou em 2014 em ajudar a desenhar e produzir o avião. No ano seguinte, a Flexjet, uma empresa de propriedade fracionada de jatos, encomendou 20 aeronaves AS2.

A GE afirmou que as empresas ainda não chegaram a um acordo. "Nós recebemos bem a visão deles e estamos animados para avançar com as discussões sobre a configuração do motor", disse Brad Mottier, vice-presidente de aviação executiva da GE.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos