Bolsas

Câmbio

Bem-vindos ao futuro dos assentos de avião na classe executiva

Eric Rosen

(Bloomberg) -- Embora a vasta maioria dos passageiros de aviões sinta a pressão de assentos cada vez mais apertados na classe econômica (falamos de você, American Airlines) e de desastres francamente assustadores com o atendimento ao cliente (United), também é possível que estejamos assistindo ao começo de uma nova era dourada das viagens na seção da classe executiva.

A classe executiva, que hoje é padrão na maioria dos aviões - tanto nos modelos grandes que atravessam oceanos regularmente quanto nos aviões de corredor único que dão voos domésticos curtos -, estreou há apenas 40 anos. A British Airways criou uma "classe de clube" entre a primeira e a econômica em 1978, e um ano depois a Qantas cunhou o termo "classe executiva".

Então, para onde a classe executiva avança hoje? Primeiro, ela substituirá a primeira classe em muitos aviões e rotas - ela é simplesmente uma versão menos cara e espaçosa da primeira classe que também tem camas totalmente reclináveis, cardápios de vários pratos criados por chefes de cozinha famosos e kits de comodidades com produtos de spa. Para as empresas aéreas, isso faz sentido: há mais assentos e mais passageiros capazes de comprá-los, portanto, mais dinheiro a ganhar.

Segundo, os assentos da classe executiva receberão atualizações inovadoras - tecnológicas e ergonômicas - que deveriam afetar a experiência de voo de formas pequenas e grandes. Além disso, sendo que empresas aéreas normalmente usam poucos tipos de aviões, haverá assentos de estilo similar em várias marcas. As melhorias serão uniformes. Desenvolver um novo produto para a classe executiva é escandalosamente caro (pense em milhões de dólares e vários anos), portanto quando empresas aéreas adversas a riscos encontram um estilo que funciona, elas ficam com ele.

Já é possível olhar de relance como esse futuro será. Embora ele não estreie em voos comerciais pelo menos até 2019, o assento Waterfront foi apresentado na Consumer Electronics Show de 2016 e é resultado de uma colaboração entre a fabricante de assentos B/E Aerospace, as empresas de design Teague e Formation Design Group e a Panasonic, o colosso da tecnologia.

Com seus celulares, os passageiros poderão controlar tudo: a posição do assento (ele se reclina totalmente e alcança 2 metros de comprimento), a iluminação ambiente (com mais de 16 milhões de configurações possíveis), controle de clima nos diversos setores do assento, pedidos de lanches e bebidas e a criação de listas de reprodução de entretenimento. Passageiros podem acender um sinal de Não Incomodar ou criar um alarme para que a tripulação os acorde quando eles desejem descansar.

O sistema lembrará as preferências nos voos da mesma rede de empresas aéreas, e as configurações estarão disponíveis automaticamente. A ideia do assento e todos os penduricalhos tecnológicos é permitir ao passageiro ajustar a experiência inteira do voo a suas inclinações individuais.

Privacidade

Elementos de personalização e controle também foram as diretivas orientadoras das futuras suítes de classe executiva da Delta, que deveriam começar a ser vistas pelos passageiros neste ano nos novos A350 da empresa aérea.

As suítes têm aproximadamente as mesmas dimensões que os atuais assentos Delta One, da Delta, mas a principal diferença é que cada uma terá sua própria porta para fechá-las. "Acima de tudo, os clientes nos disseram que eles queriam mais privacidade", disse Robbie Schaefer, gerente de produtos a bordo da Delta. Por isso, as portas para fechar, as paredes mais altas e os biombos deslizáveis para maior privacidade entre os assentos centrais. Tudo também pode ser deixado aberto. "Queríamos garantir privacidade aos passageiros, mas que eles pudessem escolher como e quando eles a querem", disse Schaefer.

Em outras palavras, disse ele, "queríamos criar um produto que devolvesse o controle aos clientes".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos