Modena e Fram Capital fazem associação para gestão de recursos

Cristiane Lucchesi

(Bloomberg) -- A Fram Capital, gestora de recursos de terceiros e de fortunas brasileira, e a Modena Capital, empresa de inteligência de mercado focada em ações, estão se associando para buscar ampliar a oferta de produtos e serviços aos investidores.

"Juntos, nós conseguiremos originar mais fundos e investimentos estruturados para clientes, inclusive single family offices", disse Marcos Eduardo Elias, managing director da Modena, criada em janeiro deste ano.

A Fram e a Modena estão "namorando"  há uns 15 dias, com o objetivo de identificar oportunidades de investimento "menos usuais e óbvias, que nos pareçam assimétricas, com boa margem de segurança se estivermos errados e bom potencial se estivermos certos," disse Henry Gonzalez, principal gestor da Fram, que tem cerca de R$ 500 milhões sob gestão e cerca de 20 funcionários.

"É o casamento perfeito: o Marcos Elias tem larga trajetória profissional fundada em ideias originais e ângulos diferentes, e a Fram tem infraestrutura de funcionários, regulatória e uma experiência em gestão de recursos de terceiros que vai completar dez anos," disse Gonzalez.

Elias foi analista de ações do Banco BNP Paribas, um dos fundadores da Empiricus, de onde saiu em 2014, além de ter ajudado a criar a family office da família Aguiar. Gonzalez trabalhou no Banco Santander de 1992 até 2006, tendo sido responsável por negócios como banco de investimento, corretora, asset management, private banking e tesouraria proprietária.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos