Bolsas

Câmbio

Novo código poderia levar blockchain a conquistar Wall Street

Matthew Leising

(Bloomberg) -- Um grande avanço na criptografia pode ter resolvido um dos maiores obstáculos para o uso da tecnologia do blockchain em Wall Street: manter a privacidade dos dados das transações.

Conhecido como prova de conhecimento zero (zero-knowledge proof), o novo código será incluído em uma atualização do blockchain do ethereum em 17 de outubro, adicionando um nível de codificação que permitirá manter a privacidade das operações. Anteriormente, os usuários podiam permanecer anônimos, mas as transações eram verificadas ao permitir que todos na rede as vissem.

"As provas de conhecimento zero são uma das maiores invenções das últimas duas décadas em criptografia", disse Emin Gün Sirer, professor associado de Ciências da Computação na Universidade Cornell. Isso "possibilitará uma série de aplicações que nem sequer podemos imaginar hoje".

Uma associação do setor chamada Enterprise Ethereum Alliance -- entre cujos membros estão JPMorgan Chase & Co., Credit Suisse Group e BP -- está tentando aproveitar os testes de conhecimento zero para o setor financeiro com seu livro-razão distribuído, conhecido como Quorum.

Este poderia ser o momento que os defensores do blockchain em Wall Street estavam esperando. A capacidade do blockchain de redefinir as funções vitais do mercado financeiro, como compensações e pagamentos, sempre dependeu da possibilidade de os bancos poderem manter em segredo os dados dos clientes e dos recursos próprios. As provas de conhecimento zero, teoricamente possíveis há décadas, agora se tornaram realidade, permitindo que as transações sejam verificadas sem a necessidade de compartilhar dados subjacentes.

"A questão da privacidade é o principal motivo pelo qual o blockchain não chegou a ser uma solução mais ampla para as empresas", disse Zooko Wilcox, fundador da Zcash, o primeiro blockchain público que garantiu a privacidade financeira usando provas de conhecimento zero. "Este é nosso acordo com o JPMorgan e o Quorum para usar provas de conhecimento zero para ter privacidade em transações e pagamentos."

A regra de Wall Street é sempre manter o sigilo das posições de clientes e bancos para que os concorrentes não possam aproveitar o fato de conhecer as operações. Isto representou um grande problema para a adoção do blockchain porque seus benefícios dependem de um efeito de rede. Para que o blockchain melhore o funcionamento do mercado de títulos corporativos, por exemplo, bancos e investidores têm que estar em condições de poder verificar quando uma empresa vende papéis a outra, sem notificar as restantes sobre a operação.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos