Bolsas

Câmbio

Filmes Marvel, 'Star Wars' e Pixar ilimitados por US$ 7 ao mês?

Christopher Palmeri

(Bloomberg) -- O CEO da Walt Disney, Bob Iger, deu aos investidores na quinta-feira uma boa ideia a respeito de como funcionará o novo serviço de streaming de vídeo da empresa.

Iger disse que o novo serviço de assinatura será lançado no segundo semestre de 2019 a um preço "significativamente inferior" ao da Netflix, que custa cerca de US$ 11 por mês. Apresentará filmes da Disney, da Pixar, da Marvel e de "Star Wars" vários meses após as estreias nos cinemas.

O estúdio da Disney produzirá quatro ou cinco filmes por ano exclusivamente para o novo serviço. Haverá também uma série de programas de TV originais. Alguns programas já em produção são baseados em "Monstros S.A.", da Pixar, em "High School Musical", do Disney Channel, e nos super-heróis da Marvel. Os clientes também terão acesso a milhares de horas de programação da biblioteca de filmes e TV da Disney. A empresa também planeja um serviço de streaming com a marca ESPN em 2018.

Tudo isso não sairá barato. Em conferência com investidores, a diretora financeira Christine McCarthy disse que os investimentos na BamTech, a plataforma de streaming de vídeo da empresa, reduzirão o lucro operacional em US$ 130 milhões no ano fiscal de 2018. A Disney também prevê que os prejuízos pelo investimento no serviço de streaming Hulu aumentarão em mais de US$ 100 milhões.

O novo serviço da Disney, que ainda não tem nome, não terá publicidades tradicionais, mas pode incluir patrocinadores como o Disney Channel. Os pais também poderão bloquear conteúdos que possam ser inadequados para crianças pequenas. Não haverá filmes com classificação restrita, disse Iger.

Quanto à fixação dos preços, os expectadores da Disney podem ter uma ideia com o serviço de streaming DisneyLife, lançado no Reino Unido dois anos atrás. Oferecido inicialmente a 10 libras (US$ 13,14) por mês, agora custa a metade.

"Nosso objetivo é atrair o máximo de assinantes possível desde o princípio", disse Iger.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos