Relojoaria suíça IWC abre bar para atrair clientes gastadores

Mara Bernath

(Bloomberg) -- A IWC Schaffhausen se tornou uma das primeiras fabricantes de relógios da Suíça a ter seu próprio bar.

Ao lado de uma nova butique da IWC em Genebra, que vende relógios avaliados em dezenas de milhares de francos suíços, os fãs podem gastar 26 francos (US$ 26) em um coquetel feito de xarope de lavanda, champanhe Perrier-Jouët e gin Aviation American no Les Aviateurs, que lembra um clube de cavalheiros.

O bar, aberto no sábado, é administrado por meio de uma aliança com a Globus, uma das lojas de departamento mais sofisticadas da Suíça, cuja entrada fica exatamente entre a loja da IWC e o bar. O bar é decorado com sofás de couro com detalhes metálicos, lâmpadas antigas, muitos objetos de cobre e um gigantesco relógio IWC no canto. A marca de 149 anos, de propriedade da Richemont, produz relógios de pulso desde meados da década de 1930 e sua linha inclui o Spitfire e o Top Gun.

As fabricantes de relógios suíças estão experimentando novas formas de atrair clientes em meio ao excesso de relógios, e uma dessas estratégias é tentar vender experiências, em vez de limitar-se aos produtos.

Uma dica do bar: antes de pedir um drinque gratuito pela compra de um relógio, fale com os vendedores da loja ao lado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos