Bolsas

Câmbio

Para BCE, envelhecimento populacional manterá juros baixos

Piotr Skolimowski

(Bloomberg) -- A experiência do Banco Central Europeu com a política monetária não convencional pode ser uma prévia do que virá com o envelhecimento populacional.

O crescimento mais lento da população em idade ativa e o aumento da expectativa de vida talvez signifiquem que o nível de juros necessário para manter a inflação estável pode ser baixo por um período prolongado, de acordo com estudo divulgado pelo BCE nesta terça-feira.

"Com uma meta de inflação inalterada, a política monetária provavelmente enfrentará desafios com o limite inferior dos juros nominais com mais frequência", afirmou o artigo, publicado no boletim mensal da instituição. "Isso naturalmente significaria que outras ferramentas de política monetária, como projeção futura e medidas fora do padrão, precisariam complementar o canal convencional de juros com mais frequência do que no passado."

Esse cenário também poderia levar ao uso mais recorrente de ferramentas macroprudenciais - como restrições à concessão de empréstimos - para conter os riscos à estabilidade financeira, segundo o estudo.

O envelhecimento também deve afetar o principal objetivo das autoridades monetárias: a inflação. Os padrões de consumo dos idosos são diferentes dos hábitos dos jovens, com gastos mais concentrados em serviços como saúde e habitação.

O impacto será sentido ao longo de décadas e não de poucos anos, mas os governos devem aproveitar o tempo de sobra para acelerar as reformas dos sistemas de previdência, de acordo com o estudo, que destacou que esses esforços perderam vigor recentemente.

A elevação da idade de aposentadoria pode ampliar a oferta de mão de obra e o crescimento econômico. A redução de benefícios ou o aumento das contribuições teriam efeitos menos favoráveis sobre a economia, segundo a pesquisa.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos