Bolsas

Câmbio

Leilão de divórcio de Russell Crowe inclui itens bizarros

James Tarmy

  • Divulgação/ Sotheby's

(Bloomberg) -- Fizeram um estardalhaço por causa do suporte atlético de couro de Russell Crowe que será leiloado, com estimativa de ser arrematado por 500 a 600 dólares australianos (US$ 384 a US$ 461), mas provavelmente o lote mais esquisito da venda é um cavalo morto.

Na verdade, trata-se de um cavalo cenográfico do filme "Gladiador" (2000), mas ele tem tamanho real e foi "reproduzido realisticamente em borracha com uma crina castanha de pelo sintético", de acordo com as observações do lote. O cavalo é um dos dois daquele filme que estarão à venda e estima-se que será arrematado por 2.000 a 4.000 dólares australianos. O item será vendido com uma carta de Russell Crowe"que atesta sua propriedade".

O leilão, composto inteiramente por pertences de Crowe, acontecerá na Sotheby's Australia, em Sidney, em 7 de abril. Intitulado "A arte do divórcio", ele retrata na capa do catálogo um sorridente Crowe de smoking, brandindo um copo de uísque, e surgiu, segundo explicou o ator em entrevista concedida a um programa de TV matinal de Sidney, porque ele decidiu "transformar algo que era um pouco desolador em algo alegre".

Conjunto variado

Os 227 lotes são uma miscelânea de memorabilia de filmes, obras de arte, armas antigas, motocicletas, instrumentos musicais, relógios e um Mercedes Classe S de 2001 com 101.661 quilômetros rodados, estimado entre 15.000 e 25.000 dólares australianos. Uma nota ligeiramente dolorosa do lote explica: "Um dos carros pessoais de Russell Crowe, este veículo também foi um dos carros utilizados no dia de seu casamento com Danielle Spencer, em 7 de abril de 2003".

Há também, estranhamente, diversas joias femininas, que Crowe presumidamente conservou após o divórcio. Há sete anéis, por exemplo, que vão desde um relativamente modesto de ouro branco, incrustado de diamantes com um rubi no centro, até um colossal anel de platina e diamantes com um elegante diamante amarelo de 5,33 quilates. Estima-se que este poderá captar entre 70.000 e 100.000 dólares australianos, e sua proveniência aparece como "Srta. Danielle Spencer, Sidney".

Muitos dos lotes podem interessar ao público em geral. Há 28 relógios à venda, incluindo um de aço inoxidável da Tiffany que está sendo vendido por um valor relativamente modesto, de 800 a 1.200 dólares australianos. "Este foi o primeiro relógio que comprei nos EUA depois de fazer 'Rápida e Mortal' (1995)", observa Crowe nas notas do lote. Um Rolex de ouro muito mais sofisticado, modelo Cosmograph Daytona, tem uma estimativa de 40.000 a 50.000 dólares australianos.

Paixão de colecionador

Considerando a popularidade da memorabilia de filmes - e o apelo de Crowe -, o leilão certamente será um sucesso. Ainda assim, resta saber se sua fama conseguirá levar alguém a gastar 140.000 dólares australianos em um violino usado por Crowe no filme "Mestre dos Mares".

"Eu não coleciono por colecionar, eu coleciono porque sou apaixonado por determinado assunto", diz Crowe na entrevista. "Parte da paixão do colecionador é, na verdade, uma empolgação - que a próxima pessoa que tenha a custódia de um item em particular saiba apreciá-lo e amá-lo tanto quanto eu."

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos