ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Carro mais amado da Austrália pode ser novo indicador econômico?

Michael Heath

07/06/2018 11h26

(Bloomberg) -- A Austrália conta com um novo barômetro para sua saúde econômica -- uma picape que também é um ícone cultural nacional.

Os jornalistas reagiram com cinismo à afirmação do chefe do Tesouro australiano, Scott Morrison, na quarta-feira, de que um número maior de veículos utilitários -- conhecidos localmente como "utes" -- nas vias do país anunciava uma economia mais forte. Mas ele pode estar certo.

Em entrevista coletiva após a divulgação de dados que mostraram que o crescimento econômico acelerou para 3,1 por cento ao ano, Morrison destacou o aumento dos avistamentos de veículos comerciais usados por trabalhadores especializados, como construtores e eletricistas. Embora os dados oficiais não apontem uma enorme ascensão, as vendas desses veículos atingiram um recorde de mais de 200.000 unidades no ano passado.

A afirmação do chefe do Tesouro levou um jornalista a perguntar: "Além da recuperação liderada pelo ute, em que outras áreas o senhor enxerga um crescimento sustentável atualmente?"

Morrison não se incomodou.

"Os guindastes no horizonte sempre foram um sinal de uma economia forte", disse, acrescentando que os indicadores agora haviam sido ampliados. "Toda vez que um australiano vê um ute passar no subúrbio de uma de nossas áreas metropolitanas ou cidades com um número de telefone na lateral, é um sinal de uma economia mais forte."

Os australianos desenvolveram uma cultura voltada aos utes e muitas cidades realizam festivais que reúnem os veículos e seus donos apaixonados. Há um grande número de álbuns de coletânea temáticos sobre o ute, incluindo o "Songs For My Ute", disponível na internet.

Em um ambiente econômico que registrou explosões na mineração, na construção de residências e agora na infraestrutura, os trabalhadores especializados da Austrália são muito requisitados e em muitos casos podem ganhar o suficiente para viver bem.

O veículo escolhido por eles pode estar a caminho de outro recorde neste ano. Nos cinco primeiros meses do ano já foram vendidos 84.000 unidades do veículo.

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia