ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Twitter reforça combate a perfis falsos antes de eleição nos EUA

Selina Wang

02/10/2018 16h04

(Bloomberg) -- O Twitter está intensificando o combate a perfis falsos e spam na tentativa de limpar sua plataforma antes das eleições legislativas dos EUA, que serão realizadas em novembro.

A empresa informou que eliminou em agosto cerca de 50 contas que se apresentavam de forma inadequada no site da rede social como membros de diversos partidos republicanos estaduais. A empresa também tomou providências contra os tweets que compartilham notícias sobre as eleições e questões políticas com informações enganosas ou incorretas sobre filiação partidária, anunciou o Twitter na segunda-feira em uma publicação de blog.

O Twitter informou que está expandindo os métodos de identificação de contas falsas para incluir a análise minuciosa daquelas que têm fotos de avatar roubadas ou de arquivo, biografias de perfil copiadas e informações de perfil intencionalmente enganosas.

O Twitter, o Facebook e o YouTube, da Alphabet, vêm aumentando seus esforços para combater campanhas de influência estrangeira antes das eleições de novembro. As plataformas tecnológicas foram usadas na campanha de 2016 por atores estrangeiros para interferir na política americana e ampliar as divisões políticas. Durante a eleição presidencial, a Agência de Pesquisa da Internet, uma organização russa financiada pelo Kremlin, operou contas que se faziam passar por organizações políticas oficiais e por fontes locais de notícias americanas.

Executivos das empresas de tecnologia compareceram perante legisladores do Congresso dos EUA diversas vezes no ano passado para explicar o que vêm fazendo para combater a interferência política de países como Rússia e Irã. O CEO do Twitter, Jack Dorsey, disse a membros do Congresso em setembro que estava repensando partes essenciais do produto da empresa para melhorar a saúde do diálogo na plataforma.

O Twitter informou que vem aprimorando seus algoritmos para identificar spam e contas automatizadas. Na primeira quinzena de setembro, a companhia afirmou ter objetado uma média de 9,4 milhões de contas por semana. Como resultado dos esforços para desmascarar informações falsas, o número de relatórios relacionados a spam caiu para uma média de 16.000 por dia em setembro, em contraste com 17.000 por dia em maio, segundo o Twitter.

Durante os últimos meses, a empresa implementou um processo de registro mais rigoroso para os desenvolvedores que solicitam acesso aos dados do Twitter e agora está suspendendo cerca de 30.000 aplicativos por mês, de acordo com a publicação no blog.

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia