ipca
0,48 Set.2018
selic
6,5 19.Set.2018
Topo

Correção: Mulheres ainda têm baixa presença no Congresso

Rachel Gamarski

09/10/2018 10h25

(Bloomberg) -- (Corrige grafia de nome no segundo parágrafo)A representação das mulheres na Câmara dos Deputados terá um pequeno aumento a partir dos resultados das eleições. Em 2019, elas serão 15% da casa, acima dos 10% atuais. Apesar do aumento, as mulheres, que representam mais da metade da população e do eleitorado, continuam sub-representadas no parlamento. Já no Senado, elas terão apenas 7 das 54 cadeiras das eleições do último domingo.

Alguns estados não elegeram sequer uma representante do sexo feminino: Amazonas, Maranhão e Sergipe. Para Deysi Cioccari, doutora em Ciência Política da PUC-SP, a melhora do resultado não pode ser vista como uma vitória. "Continuamos muito aquém do que poderíamos considerar um Congresso igualitário. O ideal seria que o Congresso realmente representasse a sociedade brasileira, como um microcosmo mesmo, mas isso não acontece", disse.

Apesar da obrigatoriedade de que os partidos tenham ao menos 30% de candidatas mulheres, o Brasil está atrás de outros países em termos de representatividade na política. Segundo o Banco Mundial, a Argentina tem 39% de mulheres no parlamento, enquanto que o México já possui 43%.

Newsletters

Receba dicas para investir e fazer o seu dinheiro render.

Quero receber

Mais Economia