Topo

Operadoras de telefonia dos EUA expõem apostas em rede 5G na CES

Scott Moritz

08/01/2019 16h13

(Bloomberg) -- A quinta geração da tecnologia sem fio talvez algum dia possa lidar com tarefas de ficção científica, como orientar carros sem motorista, mas os consumidores de hoje estão mais preocupados em fazer com que seus telefones funcionem mais rápido - e as operadoras de celular que participam da CES em Las Vegas sabem disso.

Nas próximas semanas, a AT&T lançará um serviço interino chamado "5G E" que promete velocidades de internet 50 por cento mais rápidas em muitos lugares. A Verizon Communications deu a largada em setembro com um serviço doméstico de 5G, anunciando TVs de ultra-alta definição e velocidades até 20 vezes mais rápidas.

Quer se trate de um futuro mais distante ou de melhorias que chegarão em breve, a CES é onde as operadoras podem se conectar com investidores e membros da mídia que transmitirão suas mensagens aos consumidores. A Verizon e a AT&T apostaram seu futuro na próxima geração de tecnologia sem fio e estão ansiosas para mostrar como ela pode ser.

As redes 5G completas ainda vão demorar mais de um ano para chegar, mas o que está em jogo é convencer os investidores da ideia e divulgar as velocidades impressionantes para competir pela liderança na cabeça dos consumidores - mesmo que isso signifique colocar esse rótulo em uma tecnologia que não é realmente da quinta geração.

A AT&T percorre um caminho de várias etapas para chegar ao 5G. A partir do segundo trimestre, os novos modelos de telefones Android 4G serão rebatizados como 5G Evolution ou "5G E", uma etapa de transição destinada a refletir as melhorias de velocidade e capacidade em relação à rede atual da operadora.

Rapidez notável

Se a velocidade for notavelmente mais rápida, talvez os clientes de telefonia móvel não se importem com as definições de 5G, disse Walt Piecyk, analista da BTIG, em uma nota na segunda-feira.

"Uma ampla disponibilidade do 'verdadeiro 5G' pode estar a anos de distância, o que proporciona à AT&T uma oportunidade para superar o histórico domínio da Verizon como líder de rede sem fio nos EUA", disse ele.

O CEO da Verizon, Hans Vestberg, apresenta nesta terça-feira a demonstração da CES de sua empresa e tentará mostrar, através de vários exemplos, como o 5G é totalmente diferente da tecnologia atual. Ele espera demonstrar como a nova tecnologia pode praticamente eliminar a latência - esses atrasos irritantes quando você está tentando se conectar - para proporcionar serviços que não são possíveis agora.

Além da velocidade, a Verizon tentará mostrar que as redes 5G são compatíveis com 200 vezes mais conexões do que as redes 4G - ou mais - dentro da mesma área de serviço.

Na quarta-feira, a AT&T planeja revelar acordos para ajudar as cidades a automatizar alguns serviços e incorporar mais tecnologia de comunicação em carros - etapas condizentes com sua etapa preparatória e de menor velocidade para a tecnologia 5G. Na noite de segunda-feira, a empresa informou que vai trabalhar com a Toyota Motor e com a provedora de telecomunicações KDDI para fornecer aos clientes serviços como pontos de acesso Wi-Fi, ativação remota e diagnósticos remotos em sua rede existente.

Mais Economia