IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Google compra Looker por US$ 2,6 bi para ampliar oferta em nuvem

Gerrit De Vynck

06/06/2019 12h46

(Bloomberg) -- O Google fechou um acordo para comprar a Looker Data Sciences por US$ 2,6 bilhões, aumentando sua oferta para clientes que gerenciam dados em nuvem.

A aquisição anunciada na quinta-feira proporciona uma nova ferramenta ao Google em sua campanha para vender mais armazenamento e software em nuvem. A gigante de Internet tenta diminuir a distância em relação às rivais com maior participação de mercado, como Amazon.com e Microsoft. No fim do ano passado, o Google substituiu a responsável pela divisão de soluções em nuvem, Diane Greene, e contratou Thomas Kurian, que trabalhou muitos anos Oracle.

A Looker, com sede em Santa Cruz, Califórnia, ajuda empresas a visualizar e analisar os dados que armazenam em nuvem. Este é o maior negócio do Google desde 2014, quando a empresa pagou US$ 3,2 bilhões pela Nestl Labs, que fornece soluções inteligentes para o ambiente doméstico, segundo dados compilados pela Bloomberg. Qualquer negócio do Google agora será analisado de perto pelos reguladores, em meio à investigação antitruste sendo conduzida pelo Departamento de Justiça dos EUA. Mas, diante da reação inicial de analistas, a percepção é que a concentração de mercado não é alta neste segmento.

O segmento em nuvem é importante para o Google diante da desaceleração do negócio principal de publicidade da ferramenta de busca. O Google já tem ferramentas analíticas, mas a empresa observou que muitos de seus clientes também usavam a Looker, disse Kurian em entrevista.

O Google não pretende impedir a Looker de trabalhar com concorrentes, porque muitos de seus clientes usam mais de uma nuvem, disse Kurian. Trabalhar com outros sistemas de nuvem é uma parte fundamental da estratégia do Google, disse.

Kurian tem se concentrado em reforçar a equipe de vendas e redirecionar os esforços em nuvem do Google em vários setores importantes. Investidores e analistas há muito tempo se perguntavam quando a empresa faria uma grande aquisição para aumentar sua presença na nuvem.

As duas empresas já compartilham mais de 350 clientes em comum, como o BuzzFeed, Hearst, King, Sunrun, WPP Essence e Yahoo !. A aquisição da Looker deve ser concluída ainda este ano e aguarda sinal verde dos reguladores.

Os investidores da Looker incluem a Kleiner Perkins Caufield & Byers, Meritech Capital Partners, Premji Invest, Redpoint Ventures e Goldman Sachs Group. A empresa foi avaliada em US$ 1,6 bilhão após um investimento de capital de risco no fim do ano passado, segundo a firma de dados Pitchbook.

--Com a colaboração de Naomi Nix.

Mais Economia