PUBLICIDADE
IPCA
+0,25 Jan.2021
Topo

Francesa InVivo encerra negociação de milho e soja no Brasil

Isis Almeida

14/06/2019 14h59

(Bloomberg) -- Em meio a uma reestruturação, a trading francesa de trigo InVivo pretende encerrar as operações de comercialização no Brasil, segundo pessoas a par do assunto.

A empresa que já foi a maior exportadora de trigo da França está no estágio final do término das atividades de negociação de ativos no país, informaram as fontes, que pediram anonimato porque a informação é privada. A InVivo não retornou imediatamente a solicitação de comentário da reportagem. A companhia havia entrado no Brasil para diversificar os negócios com a negociação de milho e soja.

A federação de cooperativas de grãos da França está se reorganizando em meio a dificuldades para competir com safras abundantes da região do Mar Negro, onde os custos costumam ser bem menores. Por isso, empresas como InVivo e Vivescia se expandem no exterior.

A decisão de fechar as operações de negociação no Brasil foi tomada antes do anúncio de que o responsável pela área de grãos, Stephane Bernhard, deixaria a companhia, segundo as fontes.

O investimento da InVivo no Consórcio Cooperativo Agropecuário Brasileiro (CCAB, a maior aliança de cooperativas agrícolas da América Latina) permanece intacto, de acordo com essas pessoas.

Bernhard supervisionou medidas de reestruturação que abrangeram demissões, a expansão do Brasil e a inauguração de um escritório na China.

--Com a colaboração de Megan Durisin.