IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Ex-banqueiro lança "plataforma de paquera" para médias empresas

Stephan Kahl

25/06/2019 13h54

(Bloomberg) -- Matthias Wittenburg, ex-membro do conselho de administração do banco HSH Nordbank, criou uma empresa que, segundo ele, vai funcionar como a plataforma de paquera entre empresas alemãs de médio porte, conhecidas como Mittelstand.

Os 25 funcionários da Companylinks receberam 6,5 mil manifestações de interesse de potenciais compradores, como firmas de private equity e family offices. A equipe também entrou em contato com possíveis vendedores e tem como alvo empresas avaliadas em mais de 3 milhões de euros (US$ 3,4 milhões). Com o novo banco de dados, a empresa espera fechar seu primeiro negócio em breve.

"Usamos plataformas de interesses para encontrar um parceiro, um hotel ou um carro, então por que não usar uma para vender ou comprar uma empresa?", disse o ex-banqueiro de 51 anos que deixou o HSH, de Hamburgo, há três anos. Anteriormente, o executivo havia trabalhado no Commerzbank. Sua equipe é paga pelo vendedor da empresa quando o negócio é fechado.

Muitas empresas Mittelstand - a espinha dorsal da economia alemã - têm enfrentado obstáculos de sucessão nos últimos anos, disse Wittenburg. Cerca de 227 mil donos de pequenas e médias empresas querem encontrar um herdeiro ou comprador até o fim de 2020, segundo estudo do banco de desenvolvimento estatal KfW, lançado no início deste ano.

"O que dificulta as coisas é a falta de empreendedores da próxima geração", disse Michael Schwartz, que escreveu o relatório. "Isso se deve em parte às boas condições do mercado de trabalho", o que diminui o interesse em administrar negócios menores, explicou.

Wittenburg está gostando da experiência de dar as cartas em sua nova empresa, que também emprega outros dois ex-banqueiros do HSH. "Não preciso mais perguntar ao conselho fiscal ou ao conselho de trabalhadores se quero fazer alguma coisa", disse. "Esse tipo de liberdade é divertido".

Mais Economia