IPCA
0.19 Jul.2019
Topo

Rede de cinemas e restaurantes de luxo pede concordata nos EUA

Jeremy Hill

05/08/2019 15h43

(Bloomberg) -- A rede de cinemas e restaurantes de luxo iPic Entertainment entrou com pedido de recuperação judicial em Delaware e pode ser colocada à venda menos de dois anos após sua oferta pública inicial.

A rede com sede em Boca Raton, na Flórida, deve cerca de US$ 205 milhões de uma linha de crédito com garantias e US$ 15 milhões a vários fornecedores e outros credores sem garantias, segundo o potencial assessor financeiro David M. Baker, da Aurora Management Partners, em documento do pedido de recuperação judicial do Capítulo 11 da lei de falências americana. A empresa teve prejuízo de cerca de US$ 57 milhões em 2018, segundo dados enviados à comissão de valores mobiliários.

Os 16 sofisticados cinemas da IPic permitem que os clientes comam enquanto assistem a filmes e oferecem serviço com garçom em alguns assentos premium. A concorrência, o aumento dos custos de construção e uma fraca oferta pública inicial no ano passado contribuíram para o pedido de concordata, disse Baker. Cinemas rivais que oferecem assentos reclináveis a preços mais baixos também prejudicaram o negócio da iPic.

A empresa está tentando vender o negócio, segundo os documentos judiciais. A iPic negociou antes do pedido de concordata com os credores, que aceitaram uma janela de 90 dias para a iPic ser vendida ou recapitalizada.

O Sistema de Aposentadoria dos Professores do Alabama, que está entre os credores, concordou em fornecer uma linha de crédito de US$ 16 milhões durante o processo de recuperação judicial, segundo os documentos.

Para contatar o editora responsável por esta notícia: Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.net

Mais Economia