PUBLICIDADE
IPCA
0,64 Set.2020
Topo

WeWork pode ficar sem dinheiro se não conseguir novo empréstimo

Gillian Tan e Michelle Davis

11/10/2019 12h13

(Bloomberg) -- A WeWork precisa de um novo financiamento antes do fim de novembro para evitar ficar sem dinheiro, disseram duas pessoas com conhecimento do assunto.

A empresa de que aluga escritórios para coworking tenta agora fechar os termos de um pacote de financiamento para aliviar a crise de caixa, que inclui uma linha de crédito que dependeria de uma injeção de capital, provavelmente do SoftBank, disse uma das pessoas, que pediu para não ser identificada. Uma das pessoas disse que um acordo deve ser fechado num prazo de duas a três semanas.

Analistas haviam previsto que a empresa poderia ficar sem reserva de caixa até meados do próximo ano. A controladora da WeWork, We Co., contava com uma oferta pública inicial - e um empréstimo de US$ 6 bilhões que dependia de um IPO bem-sucedido - para atender às necessidades de caixa, mas o plano caiu por água abaixo em meio às dúvidas sobre a rentabilidade da empresa no longo prazo. Os novos copresidentes da WeWork correm para cortar custos e separar unidades da empresa em uma tentativa para desacelerar a queima de caixa.

Os títulos da WeWork entraram em território distressed no mês passado, caindo mais de 20 centavos de dólar devido a preocupações crescentes com a situação de caixa da empresa. A Fitch Ratings e a S&P Global Ratings rebaixaram ainda mais a nota de crédito da WeWork devido aos problemas de liquidez.

O JPMorgan Chase está coordenando as negociações de financiamento e avalia fazer uma contribuição de peso, segundo informações divulgadas nesta sexta-feira pelo Financial Times, que citou pessoas com conhecimento sobre o assunto.

Um representante da WeWork não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

--Com a colaboração de Katherine Doherty.

Para contatar o editor responsável por esta notícia: Daniela Milanese, dmilanese@bloomberg.net

Repórteres da matéria original: Gillian Tan em NY, gtan129@bloomberg.net;Michelle Davis New York, mdavis194@bloomberg.net